O entusiasta de Bitcoin e uma das grandes personalidades do mundo cripto, Tom Lee, cofundador da Fundstrat, acredita que o Bitcoin está se preparado para ganhos médios de quase 200% nos próximos seis meses. Em uma entrevista ao Yahoo! Finanças o empresário disse que um fator técnico otimista, em particular, o tornou “realmente positivista” sobre o potencial de curto prazo do Bitcoin.

“Notavelmente em janeiro foi um ótimo mês para o Bitcoin, um aumento de 26% – mas também recuperou sua média móvel de 200 dias. Isso é um grande negócio, como você sabe, como qualquer pessoa que é seguidora de tendências – quando você está acima dos 200 dias, está de volta a um mercado de alta. Sempre que o Bitcoin volta aos seus 200 dias, seu ganho médio em seis meses é de 197%”, destacou.

A média móvel de 200 dias, citada por Lee, tradicionalmente representa uma importante área de resistência para os mercados.

Preço de Bitcoin; Média móvel de 200 dias. Fonte: TradingView
Preço de Bitcoin; Média móvel de 200 dias. Fonte: TradingView

Segundo sua previsão, Lee, destacou que o preço do Bitcoin pode chegar a US$27.000 e até mesmo subir acima deste patamar e  também considerou que 2020 tem maiores retornos reservados para os investidores do BTC do que no ano passado. Sua afirmação é baseada no halving que para ele será um “catalisador” para a expansão dos preços do Bitcoin.

O evento não apenas reduzirá a nova oferta de Bitcoin em 50%, como também levará sua taxa de inflação abaixo da do ouro e da meta de inflação de 2% do Federal Reserve dos Estados Unidos.  Em outra previsão sobre o preço do Bitcoin em 2020, usando um modelo de previsão de preços historicamente preciso, o Stock-Flow , prevê que o halving provocará uma subida do BTC para cerca de US$100 mil até o final de 2021.

Leia também: Lightning Labs recebe US$10 milhões para construir rede de pagamentos para o Bitcoin