Para o CEO da Galaxy Digital Michael Novogratz, apesar de todo seu potencial e de ter criado os padrões para o ecossistema cripto/blockchain, o Bitcoin não mudará o mundo e seu papel será relegado ao de “reserva de valor”. Para ele, que palestrou durante a Ethereal Summit da ConsenSys em 11 de maio, o que realmente mudará o mundo é a Web 3.0, baseada em um princípio totalmente novo de privacidade e monetização dos dados.

“O Bitcoin veio primeiro e está realmente se estabelecendo como reserva de valor”, disse Novogratz, acrescentando que o BTC acabou com praticamente todas as dúvidas sobre seu potencial como reserva de valor.

Uma vez que o Bitcoin representa uma reserva de valor e atua como “ouro digital”, ele não “mudará o mundo”, disse Novogratz, enfatizando que esta tarefa será feita pela Web 3.0, que propõe um novo conceito de como as redes e os dados transacionados nela funcionam, “uma plataforma descentralizada para acessar informação. Ela separa os dados do processamento dos mesmos”.

Novogratz destacou que muitos competidores já estão atuando neste campo e que a grande maioria dos projetos voltados para a construção de contratos inteligentes têm a WEB 3.0 como meta. Comparando várias criptomoedas com elementos químicos da tabela periódica, o empresário também considerou o papel das altcoins, dizendo que cada moeda terá que “se provar” para oferecer um certo caso de uso.

“Se você acredita que o Bitcoin irá tornar-se uma reserva de valor, todo o resto terá que ser usado pra outra coisa.”

Recentemente, Novogratz fez uma previsão de que o Bitcoin baterá US$ 20 mil nos próximos 18 meses.

A Atlas Quantum garante rentabilidade diária. Que saber mais? Clique aqui.

Leia também: Fundo de Mike Novogratz reporta prejuízo milionário em 2018