Mercado

Mesmo com hard fork, Monero pode sofrer correção e testar suporte em R$ 736

Após a execução de um hard for em sua rede, o preço do Monero (XMR) registrou forte valorização, de acordo com dados do CoinMarketCap. No início desta terça-feira (16), a criptomoeda saltou 7% e chegou a romper a resistência semanal de US$ 170, mas perdeu fôlego ao longo do dia.

Com isso, a XMR teve uma alta rejeição de preço, indicando que os vendedores continuam defendendo esse nível. Atualmente, a criptomoeda vale cerca de US$ 168 por unidade, ou R$ 870 na cotação atual.

Se a pressão de venda persistir, a altcoin pode testar novamente a linha de tendência de suporte, sofrendo uma correção ainda maior. Nesse sentido, a XMR enfrentaria uma correção de até 15,3%, caindo para a região de US$ 143 (R$ 736).

Fonte: TradingView.

Rali promissor, mas com riscos

Nos últimos dois meses, o par XMR/USDT mostrou um rali promissor dentro de um padrão de canal paralelo. Neste rali, a criptomoeda registrou um ganho de 74,62% ​​neste período, se valorizando de US$ 97,23 em 18 de junho para os atuais US$ 168.

Portanto, enquanto que esse padrão esteja intacto, os investidores podem aproveitar a recuperação em andamento. No entanto, as tentativas da XMR de romper a resistência de US$ 170 – e a falha em conseguir isso – não são animadoras.

A própria natureza desse padrão de continuação é reforçar a tendência predominante. No caso da XMR, a falha do rompimento indica que esta tendência ainda é de queda.

Nas últimas três semanas, o preço do XMR mostra várias tentativas fracassadas de superar o nível de resistência de US$ 170. Quando a rejeição se estende por várias tentativas seguidas, indica um sinal de esgotamento por parte dos compradores.

Cenários para a XMR

Além disso, a faixa de preço do XMR se estreitando à medida que oscila entre a linha de tendência ascendente e a resistência de US$ 170 em breve quebrará qualquer um deles. Portanto, há dois cenários possíveis aqui.

Considerando a teoria de alta, o rali de recuperação pode se estender se o preço da XMR romper e fornecer um fechamento diário da vela de cerca de US$ 170. Dado o preço atual, a criptomoeda tem mais uma oportunidade para realizar este teste.

Se a XMR conseguir romper a resistência e consolidar a alta, o novo rali pode levar a uma valorização de mais 9% no preço. Dessa forma, a próxima resistência da XMR se elevaria para US$ 185, ou cerca de R$ 952 em valores atuais.

Alternativamente, os vendedores podem violar a linha de tendência de suporte, localizada em US$ 153. Se isso acontecer, uma correção em potencial pode derrubar o preço da XMR para o suporte de US$ 143.

Leia também: Chainlink e outra altcoin preparam rali de até 37% de valorização, diz analista 

Leia também: Coinbase pausará saques e depósitos de tokens ERC-20 durante a fusão 

Leia também: “Colapso da Terra foi sabotagem interna”, afirma Do Kwon