Metaverso

Apple pretende “entrar” no metaverso com seus próprios óculos VR

Depois de anos de especulação, há sinais claros de que a Apple pretende entrar no metaverso com seus próprios óculos VR aparelhados com serviço de vídeo 3D. De acordo com Mark Gurnman, da Bloomberg, a empresa esta trabalhando em serviços de vídeo headsets de realidade aumentada virtual (AR ar VR). Os candidatos adequados ajudarão a criar vídeos de realidade virtual 3D.

Esta não é a primeira vez que a Apple deixa claros suas intenções de ingressar no espaço. Há dois anos, a empresa adquiriu a NextVR. Na época a NextVR se especializou em oferecer esportes 3D de alta qualidade e streaming de música VR em dispositivos Quest. Mas isso muda após a compra.

Planos da Apple para o Metaverso

A princípio, Apple também identificou outro trabalho de que precisa para desenvolver um mundo de realidade mista em 3D. O trabalho levou especialistas a acreditar que a empresa vem trabalhando para entrar no metaverso com suas próprias mãos.

O Metaverso parece ser a próxima grande novidade no espaço tecnológico. Muitos gigantes da tecnologia estão tomando medidas para se aprontar para o que está por vir. Empresas como o Facebook já investiram mais de US$ 100 bilhões nesse empreendimento. Além disso, o gigante da mídia social chegou ao ponto de mudar seu nome para isso.

No entanto, não se sabe muito sobre os planos do Metaverso da Apple. No entanto, as pessoas que o conhecem acreditam que os óculos de realidade virtual custarão entre R$10.000 e R$15.000. Eles apresentam um chip M2 integrado, mais de 10 câmeras e o display VR de maior resolução que o setor já viu.

Por fim, a notícia segue relatos no início deste mês de que a Apple contratou dois cofundadores da Playdeo, um estúdio de realidade mista. Os dois ajudarão a empresa em seus empenhos de metaverso. Após ingressar na Apple, eles tiveram que fechar o estúdio por trás do popular jogo Avo. Um jogo para iOS onde você dirija um abacate por diferentes ambientes desenhando linhas.

Compartilhar